Cirurgia Torácica do Vale

Pós Operatório

Cada procedimento cirúrgico torácico possui peculiaridades. Muitas vezes o paciente ao se recuperar da anestesia, pode se deparar com uma série de novidades conforme a cirurgia,como fios de monitorização pelo tórax, braços e dedos, cateteres ou máscara de oxigênio na face, sondas urinaria ou estomacal e drenos de tórax. Essa aparelhagem se faz necessária para monitorização cardíaca, respiratória e hidratação, não sendo muitas vezes dolorosos, eventualmente desconfortáveis, mas relevantes para monitorização de sinais vitais e condução do pós-operatório.
 
Atualmente, o tratamento da dor no pós-operatório possui uma gama de recursos, variando desde medicações orais, venosas, bloqueios intercostais e peridurais, tornando aceitável a recuperação cirúrgica do paciente. A equipe de enfermagem bem como o médico estão disponíveis para esclarecer dúvidas que hajam neste momento.
 
Orientações como dieta, andar,alta para domicilio, são informados pelo médico a cada visita após o mesmo realizar sua avaliação.  De um modo geral, em domicilio,não realizar esforços físicos intensos e de extrema importância a recuperação, podendo existir indicações de 15 a 90 dias, conforme o procedimento, a ser detalhado com o médico assistente. Restrições dietéticas em domicilio  são pouco frequentes, sendo orientado frequentemente dieta branda inicialmente e retomada  gradativa, salvo dietas previas de restrição. 
 
Seu medico ira orientar quanto a curativos, medicações, restrições específicas, para que sua recuperação seja a mais plena possível. Não deixe de perguntar em caso de dúvidas, não as leve para casa, anote se for o caso, para que em domicílio fique o mais tranquilo possível.

Voltar