Cirurgia Torácica do Vale

Simpatectomia Torácica

A simpatectomia é um procedimento cirúrgico que tem como objetivo interromper as fibras nervosas simpáticas que levam o estímulo às glândulas sudoríparas de determinada parte do corpo. A simpatectomia torácica trata a hiperidrose primária e localizada, e está indicada nos casos de hiperidrose palmar, axilar e em alguns casos selecionados de crânio-facial. Não está indicada para o tratamento das hiperidrose generalizadas ou secundárias a outras doenças.
 
A simpatectomia torácica é realizada em ambiente hospitalar, sob anestesia geral e com o auxílio de um aparelho de vídeo cirurgia, por isso é considerado minimamente invasivo. As fibras nervosas abordadas durante a cirurgia estão localizadas dentro da cavidade torácica, próximas à coluna vertebral, e por isso o procedimento deve ser realizado pelo Cirurgião Torácico.
 
O período de recuperação total após a realização da cirurgia normalmente é de uma a duas semanas. Nos primeiros dias, as queixas de dor acontecem com maior frequência, mas são tratadas com analgésicos comuns e anti-inflamatórios com resultados satisfatórios. 
 
A ocorrência da chamada sudorese compensatória, que é a redistribuição do suor feita pelo organismo após a cirurgia é relativamente frequente, porém a grande maioria das pessoas que são operadas, acham que esta sudorese é perfeitamente tolerável e causam muito menos incômodo que a hiperidrose primária.
 
Se você tem hiperidrose e tem interesse em saber mais sobre a simpatectomia, marque uma consulta com um de nossos especialistas que poderá tirar todas as suas dúvidas e solicitar os exames necessários.


Voltar